Registar | Iniciar sessão
Saúde 0 comentarios

Stresse felino: causas e prevenção

Stresse felino: causas e prevençãoFalar de stresse na atualidade não é apenas uma coisa de humanos. Os gatos também podem apresentar episódios de stresse que prejudica a sua tranquilidade e podem afetar gravemente a sua saúde.

O que é o stresse felino?

Como no caso dos humanos, o stresse nos gatos é um momento de muita tensão nervosa que pode ser provocada por uma grande variedade de situações que perturbam a psique dos gatos.

Este stresse pode ver-se refletido em comportamentos anormais no animal. O problema de que falávamos pode apresentar-se em qualquer momento da vida do gato e ocasionam-se por interrupções na vida quotidiana do animal.

Por exemplo, mudar de casa é um dos momentos de maior stresse para os felinos devido à maioria dos gatos não aceitarem muito bem as mudanças. Este stresse pode ser ainda maior se a mudança de casa se produzir depois de vários anos de o gato ter vivido num ambiente tranquilo e estável.

Quais são as causas e sintomas do stresse nos gatos?

Como dizíamos anteriormente, as mudanças são um dos motivos principais da aparição deste stresse. Os gatos são animais de costumes, e sair das suas rotinas, altera-os.

A falta de liberdade também lhes cria nervos. Embora seja num ambiente controlado, os gatos estão acostumados a mover-se com liberdade. Quando os metemos numa caixa de viagem para o levar ao veterinário, por exemplo, podem chegar a sentir muita tensão.

Se o teu gato não é muito sociável, o contato com pessoas estranhas também pode provocar-lhe tensão. O mesmo pode ocorrer com o contato com outros animais. E o mesmo pode ocorrer com o contato com outros animais. E o problema pode ser maior se estes são de outra espécie.

Ao falar dos sintomas que refletem este stresse, um dos primeiros que temos que destacar são os problemas de higiene. Em muitos casos, e devido aos momentos e tensão que falávamos, o gato pode ganhar o costume de urinar ou fazer necessidades fora da sua caixa.

Outros sintomas que podem mostrar-nos este problema são os problemas de comer, a aparição de diarreia ou inclusive tremores corporais. Embora uma das formas mais comuns de manifestação do stresse é que o gato tenda a esconder-se, geralmente em lugares altos ou afastados de tudo.

Prevenção e tratamento do stresse felino

A melhor forma de tratar este mal é através de soluções preventivas. O que devemos fazer é tratar de evitar que estas situações que possam provocar-lhes stresse se apresentem.

E como é difícil evitar que amigos venham a casa ou não ter que levar o gato ao veterinário, o melhor que podemos fazer é socializar o nosso gato desde muito pequeno, ao contato com outros humanos e com outros animais, e acostuma-lo às mudanças de uma forma gradual.

E o que fazer em momentos de stresse, se estes já se tiverem apresentado? O melhor é ajudar o gato oferecendo-lhe um ambiente tranquilo, o mais rápido possível. O veterinário pode receitar-te, para estes casos, o uso de substâncias como feromonas.

Em qualquer caso é bom estar atento ao comportamento a nossa mascote e ajudar-te a recuperar a tranquilidade que se perdeu.

Categorias: Saúde, Comportamento,
Compartilha-o:
Artigos relacionados
Comentários
Enviar
Registar | Iniciar sessão
Tudo sobre o mundo dos gatos.
Segue-nos no
GatosMania: Contato | Aviso legal
Email ou nome Palavra-passe Fechar ×
Ligar
Esqueci-me da minha palavra-passe
Regista-te no GatosMania.com Fechar ×
Nome/Utilizador:
Email:
Palavra-passe:
Sexo:
Data de nascimento:
  • O teu nome será o teu nome de utilizador e não será possível alterá-lo uma vez que tenhas escolhido um.
  • Ao registares-te nesta página, estás a aceitar os seus termos e condições de uso. Podes lê-los aqui.
Registar
Se o desejares, lembra-te que também podes iniciar sessão com a tua conta do Facebook.