Registar | Iniciar sessão
Raças de gatos 0 comentarios

O gato e as mascotes

gato-mascotesNa hora de pensar em ter mais do que uma mascote, é indispensável que tenhamos em conta elementos como a compatibilidade e a conveniência entre elas. O que hoje veremos será essa compatibilidade entre os gatos e as outras mascotes.

Os gatos costumam ser animais muito territoriais e se não forem ensinados desde pequenos a compartilhar com outros gatos ou outras mascotes, o processo de conseguir uma melhor convivência pode ser muito mais complicado.

Numa relação entre os gatos e os cães costuma haver uma rivalidade muito acentuada. Ambos os animais são muito territoriais e isso faz com que, se não estiverem bem socializados, os seus interesses choquem.

Com outras mascotes mais pequenas como peixes ou aves, o conflito não é territorial, mas sim de instinto. Para o gato, estes não são considerados como ameaças, mas como alimento.

Por isso é que é tão importante ter muito cuidado na hora de integrar outros animais no ambiente do nosso felino.

A convivência entre gatos com outros gatos ou cães pode ser complicada se não for iniciada desde muito pequenos. Se realizamos a socialização desde pequenos, a convivência entre as nossas mascotes pode ser excelente.

Com os animais mais pequenos como as aves, os peixes ou os Hamsters, a coisa muda um pouco. O ideal é ter sempre cuidado ao juntar ambas as mascotes, porque os gatos são de natureza carnívora e caçadora, por isso é melhor não arriscar e não pôr à prova os instintos do animal.

Relação entre gatos

A relação entre gatos pode ser muito simples se ambas as mascotes desde pequenas foram juntas com outros animais e se se acostumaram a compartilhar o seu território. Normalmente se começamos desde muito pequenos não costuma haver nenhum tipo de problemática.

No caso de ser um gato adulto, é algo mais complicado, embora também não seja impossível. Devemos prestar muita atenção ao gato pequeno ou ao gato novo para que não se gerem ataques fortes. A inserção da nova mascote deve ser feita gradualmente.

Nestes casos é normal que no princípio haja conflitos por parte do adulto, já que está assente na casa, mas se o fizermos bem, pouco a pouco, notaremos aproximações.

É necessário compreender o gato que está à mais tempo em casa, já que para ele é a invasão do seu território por parte do outro felino é muito estranha e desagradável.

Relação entre gatos e outras mascotes

A relação entre os gatos e as outras mascotes como cães, hamsters, pássaros, etc, leva um processo similar.

O mais importante é realizar a “junção” de uma forma gradual e estar muito atentos aos comportamentos de ambos e nunca os deixar sozinhos nas primeiras semanas.

Recorda que a relação entre os gatos e outros animais mais pequenos é de caçador e presa, por isso é importante a segurança para o animal pequeno. Muitas vezes o gato pode magoa-lo, não por o considerar uma presa, mas por vê-lo como um brinquedo.

Para finalizar, é importante saber que não podemos introduzir novas mascotes em casa quando uma gata deu à luz à pouco tempo, já que pode tomar a nova mascote como um inimigo e feri-lo.

Compartilha-o:
Comentários
Enviar
Registar | Iniciar sessão
Tudo sobre o mundo dos gatos.
Segue-nos no
GatosMania: Contato | Aviso legal
Email ou nome Palavra-passe Fechar ×
Ligar
Esqueci-me da minha palavra-passe
Regista-te no GatosMania.com Fechar ×
Nome/Utilizador:
Email:
Palavra-passe:
Sexo:
Data de nascimento:
  • O teu nome será o teu nome de utilizador e não será possível alterá-lo uma vez que tenhas escolhido um.
  • Ao registares-te nesta página, estás a aceitar os seus termos e condições de uso. Podes lê-los aqui.
Registar
Se o desejares, lembra-te que também podes iniciar sessão com a tua conta do Facebook.