Registar | Iniciar sessão
Gatos e gatinhos 0 comentarios

Relação entre gatos e crianças

Relação entre gatos e criançasUm gato na família? Claro que sim! A relação entre os gatos e as crianças é muito interessante, e ambos podem aprender um com o outro. Apenas têm de ter claras uma série de noções, e no seguinte artigo trataremos de as ver.

A relação com um gato permite à criança desenvolver o sentido de responsabilidade desde pequenos, algo muito útil na sua vida futura. O desenvolvimento de responsabilidade a idades tão novas não é fácil de incutir, e graças ao cuidado e ao respeito que devem ter no mínimo, o adquirirão sem nos damos conta.

Mas com a relação entre ambos a criança desenvolverá menos alergias a pelos e penas. Mas as crianças demasiadas vezes são “efusivas” com os animais, pelo que teremos de ensinar-lhes a respeitá-los.

A relação de um gato e um bebé é diferente, mas se fizermos as coisas corretamente não haverá problemas. A reação de um gato a um bebé dependerá da sua herança genética, da sua personalidade e da experiência que o animal tem com eles.

Para reduzir o risco de problemas, a primeira coisa a fazer é respeitar o lugar do animal dentro da família. O que é o mesmo que: não devemos perturbar o seu território e as zonas de descanso deste.

Quando o pequeno começar a andar devemos prestar atenção a que este não toque nas zonas em que o animal come, descansa ou dorme. A caixa de areia deve estar completamente fora do alcance das crianças.

A chegada do bebé também pode perturbar o território olfativo da nossa mascote, o que pode chegar a manifestar-se com mudanças no estado de humor. Para mitigar por completo estes problemas, existem no mercado produtos que contêm feromonas que poderemos utilizar para acalmar o nosso animal.

Devemos ser capazes de demostrar ao animal que a chegada do bebé a casa não é um evento negativo. Alimentos ricos para ele é uma maior atenção do que o habitual podem ajudar-nos. Cuidado também com não perturbar as rotinas do nosso animal em demasia. Se a chegada do bebé trouxer mudanças, devemos implementá-las pouco a pouco (se for antes da chegada do pequeno, melhor).

Passados os primeiros meses com os pequenos, a maioria dos gatos adoram a sua presença, pois significa mais movimento em casa e mais atenção para eles. Apesar disso, os gatos não gostam de serem perseguidos nem que estejam todo o dia em cima dela, pelo que deves ensinar o teu filho a deixar o animal tranquilo quando queira refugiar-se nos seus lugares seguros e desligar-se em paz.

E queremos terminar o artigo mostrando comportamentos que podemos incutir nos pequenos para que pouco a pouco se convertam ambos em amigos inseparáveis dos gatos.

Devemos ensinar-lhes o que dizíamos anteriormente, não seguir os gatos a toda a parte e deixar-lhes espaço se verem que não querem estar com eles. Igualmente é recomendável ensinar-lhes os melhores lugares para os acariciarem. A parte superior da cabeça e as costas são os melhores lugares. O estômago é um lugar a evitar, já que muitos gatos são muito sensíveis nessa zona e podem até atacar para defenderem-se.

Também é importante ensinar-lhes a nunca puxarem pela coleira, a deixarem-lhes comer e dormir calmamente, a lavarem as mãos antes de fazer festas ao animal, a brincar com o gato, a cuidar do seu pêlo e da sua higiene em geral, etc. Tudo isto fará com que os gatos e as crianças se convertam em amigos de coração.

Categorias: Gatos,
Compartilha-o:
Artigos relacionados
Comentários
Enviar
Registar | Iniciar sessão
Tudo sobre o mundo dos gatos.
Segue-nos no
GatosMania: Contato | Aviso legal
Email ou nome Palavra-passe Fechar ×
Ligar
Esqueci-me da minha palavra-passe
Regista-te no GatosMania.com Fechar ×
Nome/Utilizador:
Email:
Palavra-passe:
Sexo:
Data de nascimento:
  • O teu nome será o teu nome de utilizador e não será possível alterá-lo uma vez que tenhas escolhido um.
  • Ao registares-te nesta página, estás a aceitar os seus termos e condições de uso. Podes lê-los aqui.
Registar
Se o desejares, lembra-te que também podes iniciar sessão com a tua conta do Facebook.