Registar | Iniciar sessão
Cuidados dos gatos 0 comentarios

Cuidados dos gatos na velhice

Cuidados dos gatos na velhiceOs gatos, tal como os seres humanos, precisam de uns cuidados muito mais específicos ao chegar à velhice. Certamente que a primeira pergunta que te vem à cabeça é a lógica: a que idade têm que começar esses cuidados?

O gato quando chega aos 10 anos de vida entra na velhice, por isso é a partir dessa idade quando devemos prestar uma maior atenção a certos aspetos. Ao envelhecer, o animal muda. O seu comportamento evolui e as suas necessidades também. E é importante que nos adaptemos a essas necessidades para que tanto a vida do animal como a nossa seja a melhor possível.

Tal como acontece com os humanos, a saúde dos gatos na velhice ressente-se. O risco de doenças respiratórias, renais e digestivas aumenta. Por isso é importante que chegados a estas idades, aumentemos ainda mais o cuidado veterinário do animal.

As revisões veterinárias periódicas podem detetar qualquer patologia com prontidão, o que nos assegura que poderemos tratá-la a tempo. O ideal nestas idades é ir ao veterinário pelo menos duas vezes por ano. Desta forma a nossa mascote estará perfeitamente cuidada.

Uma alimentação correta também é essencial chegada a esta idade. Doenças como a diabetes ou as patologias renais são propensas a aparecer em gatos destas idades. Além disso conforme mais avança a sua idade, menos é a sua atividade, pelo que maior é o risco de padecer de obesidade.

Por isso já podes intuir que teremos que adaptar a alimentação do animal às novas necessidades. Esta será equilibrada e sem excessos. As dietas adaptadas a esta idade têm um menor teor de proteína e são mais ricas em fibra.

Antes falávamos de que o gato velho tende a mover-se menos, mas devemos evitá-lo na medida o possível. Todos temos tendência a pensar que ao ser já mais velho, o melhor é deixá-lo tranquilo a descansar, mas é um erro.

É normal que a sua atividade baixe porque as suas articulações se ressentem e porque a sua curiosidade diminuiu, mas é importante que se mova para evitar o excesso de peso e a deterioração dos seus sentidos. Estimula-o brincando com ele e fazendo com que os seus sentidos não deixem de trabalhar.

E por último aconselhamos-te a ser tolerante com os seus comportamentos. A sua atitude irá mudar ao chegar à velhice, tal como ocorre connosco. Os gatos ciumentos, vão ficar mais ciumentos. Os gatos pouco sociáveis, vão tornar-se mais taciturnos ainda. E assim sucessivamente.

Por isso o ideal é aceitar que pouco-a-pouco a forma de atuar da nossa mascote irá variar. Embora isso não queira dizer que aceitemos tudo, claro está.

Categorias: Cuidados, Saúde,
Compartilha-o:
Artigos relacionados
Comentários
Enviar
Registar | Iniciar sessão
Tudo sobre o mundo dos gatos.
Segue-nos no
GatosMania: Contato | Aviso legal
Email ou nome Palavra-passe Fechar ×
Ligar
Esqueci-me da minha palavra-passe
Regista-te no GatosMania.com Fechar ×
Nome/Utilizador:
Email:
Palavra-passe:
Sexo:
Data de nascimento:
  • O teu nome será o teu nome de utilizador e não será possível alterá-lo uma vez que tenhas escolhido um.
  • Ao registares-te nesta página, estás a aceitar os seus termos e condições de uso. Podes lê-los aqui.
Registar
Se o desejares, lembra-te que também podes iniciar sessão com a tua conta do Facebook.