Registar | Iniciar sessão
Comportamento dos gatos 0 comentarios

Prémios ou castigos para educar os nossos gatos?

Prémios ou castigos para educar os nossos gatos?Todos nós que temos gatos, quando eramos principiantes tivemos uma dúvida existencial na hora de educar os nossos pequenos ou a altura certa para corrigir certos comportamentos. É preciso ter uma atitude muito restrita com eles ou é melhor ser tolerante e guia-los na sua instrução?

Sendo restritos e pouco permissivos, o que transmitiremos ao animal é que tem que nos obedecer para o seu bem, porque caso contrário receberá uma reprimenda. Com a segunda postura que falávamos, a da tolerância, o que dizemos é que se nos obedecer será premiado e recompensado.

Mas, qual das posturas é a correta? Castigar ou recompensar? No seguinte artigo tentaremos explicar qual das duas metodologias dá melhor resultado.

Com os gatos ocorre algo muito parecido ao que acontece com os seres humanos: reagem melhor perante os reforços positivos do que perante as ameaças. Saber que se fazem algo bem trás um prémio, faz com que o façam com mais vontade sabendo que se enganarem receberão uma reprimenda. De fato, esta segunda opção pode fazer com que os nossos animais se mostrem nervosos, tímidos e em alguns casos inclusive violentos.

Para endossar esta teoria, veremos um caso prático que ocorre, por regra geral, com os gatos e que apoia a teoria de que os gatos reagem melhor perante ações positivas repetitivas.

Todos os dias, na hora da refeição, terás notado que ao ir para a cozinha para abrir o armário em que guardas a comida da tua mascote, o gato acompanha-te miando, e inclusive contra as tuas pernas. Isto deve-se simplesmente à força da rotina.

O gato sabe que a abertura desse armário nessa altura do dia equivale a um momento agradável como a refeição, e sem ter que ensinar-lhe nada nós realizamos esse momento com um aspeto positivo e induzimos esse comportamento positivo.

O reforço que demos ao animal deve ser algo que gosta muito e que não têm habitualmente. O normal é que utilizemos guloseimas para gatos, embora seja importante que fales com o teu veterinário para que te aconselhe umas que não façam com que a sua alimentação se desequilibre.

As palavras positivas e as caricias também são excelentes recompensas que podemos dar aos gatinhos.

Como dar estes reforços? Estes reforços não têm que ser constantes nem eternos. Ao princípio devem ser sempre que faça uma ação bem, mas pouco a pouco iremos alternando a recompensa para que não sinta que sempre que o faça terá prémio. Desta forma a instrução não nos sairá ao contrário.

Como dizíamos, também terás que recompensa-lo por toda a sua vida. Três semanas ou um mês depois de corrigir o comportamento é uma boa altura para deixar de recompensar o animal. Aí já terá o hábito assimilado e não voltará a realizar o que não queremos que realizes.

Categorias: Comportamento,
Compartilha-o:
Comentários
Enviar
Registar | Iniciar sessão
Tudo sobre o mundo dos gatos.
Segue-nos no
GatosMania: Contato | Aviso legal
Email ou nome Palavra-passe Fechar ×
Ligar
Esqueci-me da minha palavra-passe
Regista-te no GatosMania.com Fechar ×
Nome/Utilizador:
Email:
Palavra-passe:
Sexo:
Data de nascimento:
  • O teu nome será o teu nome de utilizador e não será possível alterá-lo uma vez que tenhas escolhido um.
  • Ao registares-te nesta página, estás a aceitar os seus termos e condições de uso. Podes lê-los aqui.
Registar
Se o desejares, lembra-te que também podes iniciar sessão com a tua conta do Facebook.