Registar | Iniciar sessão
Saúde 0 comentarios

A gravidez nas gatas

Sábado, 19 de Janeiro de 2013 | 13:21

A gravidez nas gatasUm dos momentos em que mais cuidado devemos ter com as nossas mascotes é na gravidez. A gravidez das gatas é uma etapa que nós, os donos, devemos conhecer destes formosos animais para entender o seu processo e conhecer os cuidados que as gatas requerem.

A gestação tem uma duração de 2 meses, aproximadamente, rondando os 57-63 dias. Nas duas semanas depois da fecundação já notamos os primeiros sintomas que nos indicam que a gata está grávida. Os seus mamilos costumam tornar-se um pouco maiores e rosados. Também notaremos um aumento no apetite e também um maior tamanho do seu abdómen.

Nesta época devemos fornecer, à gata, uma maior quantidade de alimentos e de nutrientes. Também devemos seguir estas regras depois do parto, pelo menos durante mais um mês, já que o processo de amamentar requere grandes quantidades de energia.

Depois das semanas de gestação começa o período do parto. Iremos apreciá-lo porque a gata reduz quase completamente a sua atividade e aumenta subitamente o seu apetite.

Embora seja apenas nessa etapa quando a gata procura um lugar para dar à luz, é importante ter um espaço preparado com antecedência. Prepara vários lugares tranquilos, afastados da confusão e quentes entre os quais possa escolher.

Nos momentos prévios ao parto notarás como a gata se mostra muito mais inquieta, não para de caminhar e inclusive miará com insistência. Conforme o parto esteja mais iminente, esta atividade cessará e irás perceber que a gata se colocará indefinidamente no refúgio que escolheu para parir.

Nesse momento é recomendável deixar a gata sozinha, ou que apenas se aproximem as pessoas com que mais confiança tem, já que podem apresentar-se problemas e é possível que precise de ajuda para ter os gatinhos. Mas é sempre importante manter-se à margem, dando-lhe espaço suficiente.

A posição normal para parir é muito parecida com quando está na sua caixa de areia. O primeiro gatinho do parto pode não sair com a placenta. Cada um dos pequenos tem a sua própria placenta. Se esta não se romper sozinha, será a mãe a encarregada de a retirar, com os seus dentes. Este mesmo processo ocorre com o cordão umbilical.

Em geral, dependendo do número de crias, o parto pode durar de duas a quatro horas, embora possa alargar-se até doze horas. Mais do que esse tempo não é normal que um parto se prolongue. Se se der o caso, o melhor é consultar rapidamente o veterinário.

Depois do parto a gata fica esgotada, pelo que é conveniente colocar alimento e água fresca muito próximos dela.

Categorias: Gatos, Saúde,
Compartilha-o:
Artigos relacionados
Quarta, 13 de Fevereiro de 2013 | 11:00
Sexta, 3 de Outubro de 2014 | 10:34
Terça, 26 de Agosto de 2014 | 13:30
Terça, 12 de Agosto de 2014 | 12:36
Terça, 5 de Agosto de 2014 | 09:01
Sexta, 1 de Agosto de 2014 | 15:11
Comentários
Enviar
Registar | Iniciar sessão
Tudo sobre o mundo dos gatos.
Segue-nos no
GatosMania: Contato | Aviso legal
Email ou nome Palavra-passe Fechar ×
Ligar
Esqueci-me da minha palavra-passe
Regista-te no GatosMania.com Fechar ×
Nome/Utilizador:
Email:
Palavra-passe:
Sexo:
Data de nascimento:
  • O teu nome será o teu nome de utilizador e não será possível alterá-lo uma vez que tenhas escolhido um.
  • Ao registares-te nesta página, estás a aceitar os seus termos e condições de uso. Podes lê-los aqui.
Registar
Se o desejares, lembra-te que também podes iniciar sessão com a tua conta do Facebook.